terça-feira, maio 29, 2012

DESGOSTO

Surpreende-me a forma como as pessoas conseguem ser más, deliberadamente más, mesquinhas, mentirosas... ontem fiquei muito desgostosa com algo que uma amiga me contou. Nunca me passou pela cabeça que alguém que me fez tanto mal e contra quem nunca mexi uma palha, andasse por aí a falar mal de mim. E não é o falar mal que me incomoda, a sério que não é, é o facto de pegar na minha doença e na do meu pai e mentir com isso, dizendo que eu faltava ao trabalho, que não cumpria as minhas obrigações... mais do que qualquer outra coisa, foi um desgosto. E tantos anos depois ainda me vieram as lágrimas aos olhos.

8 comentários:

SMS disse...

É não dar importância a gente estúpida.

Quase nos "entas" disse...

Afinal....ela não era tua amiga...era apenas uma invejosa...e de que preguntas tu??
Da tua força!
Beijinhos

Helena Barreta disse...

De certo que as pessoas que a conhecem e gostam de si sabem que é mentira o que ouvem da outra.

Um abraço

joão disse...

Infelizmente há gente que só serve para chatear e prejudicar. São as chamadas VOZES DE BURRO, e como diz o ditado popular, vozes de burro não chegam ao céu. Agora que dói, dói. As acções ficam para quem as pratica (para o bem e para o mal).
Um abraço (J.P.)

Anónimo disse...

há pessoas que não tem doença fisica mas mental! Essa é uma delas

Neuza Mariano disse...

Olá querida

Descobri o teu blog e estou a adorar
muitos parabéns pelo belissimo trabalho =)

caso queiras passa no meu blog, ia adorar

também faço vídeos de maquiagem e moda.


neuzamariano.blogspot.com
http://www.youtube.com/user/neuzamariano?feature=mhee

Espero que gostes
muah***

Neuza Mariano disse...

Olá querida

Descobri o teu blog e estou a adorar
muitos parabéns pelo belissimo trabalho =)

caso queiras passa no meu blog, ia adorar

também faço vídeos de maquiagem e moda.


neuzamariano.blogspot.com
http://www.youtube.com/user/neuzamariano?feature=mhee

Espero que gostes
muah***

suemngo.blogspot.com disse...

Oh minha querida eu bem que sei o que isso é, mas o melhor é acreditar que foi o universo a abrir-nos os olhos. A solução é apanhar os cacos e move on!