segunda-feira, novembro 22, 2010

Assustada

Eu tento não me deixar abalar com o fantasma da crise. A sério que tento. Não se esqueçam que me despedi do maior grupo editorial português para abrir a minha própria editora. Sou aquilo que se pode chamar uma optimista nata. Mas quando vejo uma das poucas pessoas em cuja palavra acredito a dizer que este corte salarial foi o primeiro de vários e que, provavelmente, se vai estender ao sector privado, começo a entrar em pânico. Um pânico pequenino, mas um pânico... Oh prof. Luís Duque tem mesmo a certeza do que acabou de dizer na SIC? Os cortes vão mesmo (quase de certeza) até aos 10%?
Medo.

2 comentários:

rosaamarela disse...

Medo? MT MEDO!!! na empresa onde trabalho estão a aumentar os quadros superiores 10%, qdo vierem os cortes eles ficam "na mesma" os restantes ficam com menos mt menos.

bom dia!

mãeee disse...

Muito medo mesmo! Como trabalho para o sector público (sem ser funcionária pública) vou sofrer os cortes anunciados, mais tudo o que vem por acréscimo :(

Agora, para ver o bright side, queria dar-te os parabéns pela editora e pelo livro agora editado. Acho que vai ser fonte de inspiração para uns quantos presentes de Natal!

beijos